Food avoidances and preferences among fishermen communities são de the distrito of Conde, State of Bahia, Brazil




Você está assistindo: Quais alimentos devo evitar para hemorroidas

Restrições e preferências de recurso pesqueiros através dos pescadores são de município de Conde, norte do bang da Bahia, elas analisadas. Dados foram obtidos através dos de entrevistas mente aberta e semiestruturadas realizadas abranger 114 informantes de ano comunidades. Peixes, moluscos, crustáceos, cetáceos e tartarugas marinhas são recurso disponíveis aos pescadores, eu imploro seu perdão percebem lado marcantes desses animais no momento de considerá-los itens comestíveis. Peixes de "couro", como arraias e cações, elas os adicionando evitados durante enfermidades, devido a peixes "brancos", gostar os robalos, eles são as espécies adicionar preferidas. Muitos como recursos são até usados na medicina difundido local. O comportamento alimentação dos pescadores terá que fazer ser levado em consideração no plano ambiental, em estudar de impacto ambiente e no decorrer manejo, conservação e monitoramento dos recursos pesqueiros.

tabus alimentares; recurso pesqueiros; comportamento alimentar; pescadores brasileiros


Fishing sources avoidances and preferences that fishermen a partir de the distrito of Conde, in the norte of the State of Bahia, estão analyzed. Encontro were derived through open-ended and semistructured interviews performed with 114 informants em ~ five communities. Fish, mollusks, crustaceans, cetaceans and sea turtles are available resources for the fishermen. They perceive remarkable facets of these animals when considering them as edible items. "Leather" fish such together rays e sharks ser estar the many avoided throughout illnesses, e "white" fish such together snooks ser estar the most wanted species. Numerous of these resources are also offered in the local folk medicine. Fishermen"s feeding habits should be taken right into account ao the development planning e environmental evaluate studies, too as a management, conservation and monitoring measures of fishing resources.

food taboos; fishing resources; feeding behavior; brazilian fishermen


ORIGINAL

RESTRIÇÕES E PREFERÊNCIAS alimentando EM comunidade DE PESCADORES dá MUNICÍPIO DE CONDE, bang DA BAHIA, BRASIL1 (1 ) trabalho elaborado a partir da teses de mestrado em desenvolvimento e bonito Ambiente: "Etnoictiologia, desenvolvimento e sustentabilidade durante litoral norte baiano. Um estudo de caso entre pescadores dá município de Conde", defendida na UFAL, Maceió, Alagoas, em outubro de 1998. ( 2) departamento de Ciências biológico , Universidade estado de igual de Santana, km 3, BR 116, Av. Universitária, 44031-460, justa de Santana, BA, Brasil. Correspondência para/ post to: E.M. COSTA-NETO. E-mail: eraldont
uefs.br (3 ) o autor, inclusive, ele tinha a chance de documentar a estágio cultural na que um espécime ( Chelonia mydas ?) adulto, o que media mais de um metro de comprimento e eu imploro seu perdão "apareceu" morto no decorrer estuário, foi desmembrado por pescadores. Segundo eles, der tartaruga havia sofrido uma mordida de um cação na "aba" (nadadeira) para a direita e era desfalecida há algumas horas. Na ocasião, algum pescadores, desconfiados abranger minha presença, perguntaram-me se eu trabalhava para emprego IBAMA. Mesmo assim, naquela carne (para consumo) e a banha (para remédio) foi ~ coletadas.

FOOD AVOIDANCES e PREFERENCES among FISHERMEN COMMUNITIES from THE county OF CONDE, STATE that BAHIA, BRAZIL


Eraldo Medeiros COSTA-NETO2 (1 ) trabalhar elaborado naquela partir da dissertação de mestrado em desenvolvendo e meio Ambiente: "Etnoictiologia, desenvolve e sustentabilidade no decorrer litoral nord baiano. Um aprender de caso entre pescadores do município de Conde", defendida na UFAL, Maceió, Alagoas, em outubro de 1998. ( 2) departamento de Ciências biológicas , Universidade estadual de feira de Santana, km 3, BR 116, Av. Universitária, 44031-460, feira de Santana, BA, Brasil. Correspondência para/ post to: E.M. COSTA-NETO. E-mail: eraldont
uefs.br (3 ) ministérios autor, inclusive, teve a oportunidade de documentar a cena cultural na que um espécime ( Chelonia mydas ?) adulto, eu imploro seu perdão media mais de um metro de longs e que "apareceu" morto no decorrer estuário, adquirindo desmembrado pelos pescadores. Segundo eles, a tartaruga deu sofrido uma mordida de um cação na "aba" (nadadeira) direito e estava desfalecida há algumas horas. Na ocasião, papel pescadores, desconfiados alcançar minha presença, perguntaram-me se mim trabalhava para o IBAMA. Mesmo assim, a carne (para consumo) e der banha (para remédio) passou a ser coletadas.


RESUMO

limite e preferências de recurso pesqueiros pela pescadores dá município de Conde, norte do bang da Bahia, são analisadas. Dados foram obtidos através de entrevistas abrir e semiestruturadas realizadas abranger 114 informantes de cinco comunidades. Peixes, moluscos, crustáceos, cetáceos e tartarugas marinhas são recurso disponíveis ~ por pescadores, eu imploro seu perdão percebem aspecto marcantes desses animal no tempo de considerá-los itens comestíveis. Peixes de "couro", gostar arraias e cações, eles são os mais evitados enquanto enfermidades, decorrente peixes "brancos", gostar de os robalos, são as espécies adicionando preferidas. Muitos então recursos são também usados na medicina estendido local. Ministérios comportamento alimentar dos pescadores deveria ser contemplar no plano ambiental, em estudando de impacto ambiental e no manejo, preservação e monitoramento a partir de recursos pesqueiros.

Termos de indexação: tabus alimentares, recurso pesqueiros, comportamento alimentar, pescadores brasileiros.

ABSTRACT

Fishing sources avoidances and preferences of fishermen são de the county of Conde, in the north of the State of Bahia, estão analyzed. Data were acquired through open-ended e semistructured interviews performed com 114 informants em ~ five communities. Fish, mollusks, crustaceans, cetaceans and sea turtles ser estar available resources ao the fishermen. They perceive remarkable facets of these pets when considering them together edible items. "Leather" fish such as rays e sharks ser estar the many avoided during illnesses, e "white" fish such as snooks estão the most desired species. Plenty of of this resources are also provided in the local folk medicine. Fishermen"s feeding behavior should be taken into account porque o the development planning and environmental evaluate studies, also as a management, conservation and monitoring procedures of fishing resources.

Index terms: food taboos, fishing resources, feeding behavior, brazilian fishermen.


INTRODUÇÃO

"Tabus alimentares representam regra sociais algum escritas que regulam o atos humano".

Colding & individual (1997)

Os peixes são recursos do arredores percebidos e explorados de acordo com os termos cultural próprios de cada companhia (Mitchell, 1989). Muitas das espécies de peixes têm vir menos o que valor de mercado direto alternativa fazem ajudando de teias alimentares que suportam de outros recursos económica importantes. Os recursos pesqueiros proporcionam satisfações estéticas (Moyle & Cech Jr., 1996) e tenho sido fonte de substâncias naturais de interesses diversos, principalmente farmacológicos (Norse, 1993).

No que se refere à utilização a partir de peixes gostar de recursos alimentares, preferências e evitações aos seu consumo têm fixo o assunto de muitos pesquisar na Antropologia e na Ecologia humano (Bulmer et al., 1975; Hyndman, 1984; Begossi & Braga, 1992; Castelo branco & Begossi, 1996; Murrieta, 1998). Geralmente, der evitação der peixes denominações simplesmente uma pergunta de indiferença alternativamente leve desaprovação pelo ato de ingeri-los. Em outros, no decorrer entanto, verifica-se uma atlético objeção ~ por seu consumo (Simoons, 1978). Begossi (1992) encontrou que recursos ícticos valorizados na medicina difundido são considerado tabus alimentando (hipótese da farmácia).

O entendimento de como os individual em comunidade humanas procuram, obtêm e escolhem ministérios alimento, incluindo o modelo de tecnologia combinar ao ambiente ocupado, excluir fundamental porque o a conhecimento dos valores cultural e relações sociais (Begossi & Petrere Jr., 1988). Segundo Bahuchet (1997), a alimentando é um domínio relevante às ciências biológico e sociais, suscetível de quantificação precisa, contudo profundamente marcação pela cultura. De acordo abranger esse autor, emprego comportamento alimentação constitui um no modos por quais uma sociedade confirme sua coesão através, através exemplo, dos tabus alternativamente preferências gustativas. Hyndman (1984) diz que der etnoclassificação dos alimentos influencia os sistemas tradicionais de vida porque define o que ele deve ser considerado alimento, classificandoo em uma escala de preferências e ditando tanto a intensidade quanto der freqüência com que as espécie são caçadas, pescadas e/ou cultivadas.

Este artigo pretende registrar der percepção e der utilização de recursos pesqueiros por pescadores do município de Conde, Bahia, analisando os enfrentar associados à evitação alternativamente à incrementação de seu consumo. Chama-se punho para naquela inclusão de estudando sobre antropologia do alimento no plano ambiental, em estude de impacto ambiental e no manejo, conservação e monitoramento a partir de recursos pesqueiros.

Área de estudo

O município de contar situa-se na Região costa Norte do bateau da Bahia, cujas coordenada geográficas são 11o48"S e 37o37"W (Figura 1). A região isto mostra um climático úmido a subúmido e úmido, uma temperatura média de 25,4oC, 1 pluviosidade anual média de 1.412 mm e 1 vegetação constituída de formações pioneiras alcançar influência fluviomarinha (mangue) arbórea, formação pioneiras abranger influência marinho (restinga) arbórea e comunicação cerrado-floresta estacional (Centro..., 1994).


*

Com aproximadamente 40 km de litoral, der região possui dois desembocaduras: a barra do rio Itapicuru, ~ por norte, e a barra do fluviais Itariri, ~ por sul. Muito de povoados formato o município, gostar Altamira, Cobol, Cangurito, barra do Itariri, Sítio a partir de Conde, Poças e Siribinha, presente os 4 últimos de interesse recreativo através dos estarem situados no decorrer litoral. Devendo à deles importância no cenário paisagístico-ecológico e social, a região adquirindo transformada em uma Área de abrigam Ambiental em em março de 1992.

A economia são de município baseia-se durante comércio, prestação de serviços e extrativismo, abranger destaque para: carreira de minúsculo porte, tais como madeireiras, perfumarias, sabões e velas, organização e itens alimentares; culturas agrícolas, como coco-da-bahia, banana, mamão, limão, arroz, mandioca, tomate e milho; criação de gado bovino e pesca e mariscagem. Estas duas últimas atividades sobressaem-se devido ao fornecimento significativamente de recursos pesqueiros. No decorrer município de Conde, naquela produção de pescado nos estou vivendo de 1992/1993 aquisição de 23.426 kg, distribuição em 17.920 kg de peixes e 5.506 kg de marisco (Bahia, 1994). Atualmente, emprego turismo e naquela construção educado passaram naquela desempenhar atividade importantes para der região e porque o os moradores classificação desde naquela implantação da fileira Verde, rodovia estadual inauguração em dezembro de 1993.

MATERIAL E MÉTODOS

O atuavam de área teve começar em março de 1996 e adquirindo concluído em em março de 1998. Naquilo período, prazo 10 excursões à áreas de estudo foram realizadas, totalizando 56 dias de trabalhar de campo. Foi ~ entrevistados 114 informantes, distribuídos, segundo a commonwealth em o que residem, da seguinte forma: barra do Itariri, 3 informantes; Conde, 8 informantes; Sítio a partir de Conde, 14; Poças, 5 e Siribinha, 84. Enquanto início, os dados foram obtidos através dos meio de entrevista abertas, adotando-se expressão e palavras nativas. As entrevista duraram abrangendo poucos minutos der duas horas. Ela foram registradas através escrito e/ou eletromagneticamente. As fitas associado às 15 horas de entrevistas gravadas passou a ser transcritas e encontram-se depósito no atividades de Etnobiologia da Universidade estado de justa de Santana. (UEFS). As cenas culturais, a atividade de pesca, os atores sociais e os recursos faunísticos ser estar registrados fotograficamente, tanto através dos meio de diapositivos quanto através meio de foto em papel, os quais também encontram-se compondo ministérios acervo do referido Laboratório.

Às entrevista livres, seguiram-se entrevista semi-estruturadas baseadas em questionários semi-estruturados e em ns lista conter os nome vernaculares de 69 peixes, consiste em os de uso medicinal, alcançar os que se obteve dados sobre a interação trófica e as intervenções alimentares envolvendo as variedade espécies. Nisso artigo, os nome populares a partir de peixes foram escrita tal como são denominações pelos informantes.

Os dados foram analisados segundo ministérios modelo de união das diversas habilidade individuais (Marques, 1991), o qual abrange considerar todas as em formação fornecidas por tudo os entrevistados, sem exclusão. Segunda-feira Marques (1991), der tendência em fábrica etnocientíficos tem sido pela obtenção desse modelo. Os controles foram feitos através dos de testes de verificação de número e de validade das antiguidade , recorrendo-se naquela entrevistas repetidas em situações sincrônicas e diacrônicas. As em primeiro lugar ocorrem no decorrer uma mesmo pergunta denominada feita a compatriota diferentes em tempo bonito próximo e as segundas, enquanto uma pergunta é repetida à mesma pessoa em tempos bem distintos (Marques, 1991).

Foram coletadas 57 espécies de peixes, constituindo-se esta coleções apenas em uma representante parcial da diversidade ictiofaunística da região. Algumas espécies foram compradas pelo autor na feira são de Conde, mas naquela maioria obtivermos doada até pescadores de Siribinha. Os espécimes, identificados pelo mestre Paulo roberto Duarte Lopes do Departamento de Ciências biológico da UEFS, encontram-se depositadas na acervos científica dá Laboratório de Ictiologia do Departamento. Os amostra de marisco foram identificado pela professora Tereza Calado (Departamento de Zoologia do central de Ciências biológico da Universidade commonwealth de Alagoas) e ~ ~ depositados enquanto Laboratório de Etnobiologia da UEFS.

RESULTADOS E DISCUSSÃO

As comunidade de pescadores artesanais dá Litoral nord baiano eles podem fazer utilizar-se de muitos recursos faunísticos, quer seja consumindo-os diretamente, você quer seja comercializando-os para aquisição de de outros recursos, gostar de carne vermelha, itens vegetais e enlatados. De um regime geral, os recursos pesqueiros no lugar utilizáveis como alimento constituem-se de peixes, crustáceos, moluscos, cetáceos (toninhas) e quelônios marinhos (tartarugas). Isto dois últimos, segundo os informantes, elas consumidos apenas quando pescados acidentalmente. A dieta excluir complementada por da caça de mamíferos (e.g., tatus, preás e cutias), aves (garças, jacus e frangos-d"água) e répteis (lagartos, cobras e jacarés). Isto recursos, no entanto, caracterizam-se como fonte renovável de proteína de natureza alternativa e secundária. Méis silvestres até são consumidos, especial os eu imploro seu perdão são extraído de colmeias de abelhas italianas (Apis mellifera scutellata), constituindo-se a fonte secundária de carboidratos.

De significativa significado para ministérios suprimento das necessidades alimentando da população local são os peixes, os que constituem-se em recursos longe distribuídos em toda der região, destacando-se os do famílias Sciaenidae (curvinas), Gerreidae (carapebas), Mugilidae (tainhas), Centropomidae (rubalos), Ariidae (bagres), Engraulididae (sardinhas) e Carangidae (xaréus). Ministérios modo gostar de estes recursos são percebidos, classificar e usado influencia tanto na intensidade quanto na freqüência abranger que as espécies de peixes eles são pescadas, tratadas e consumidas.

Nas comunidade pesqueiras, naquela refeição usualmente é constituída de peixe frito alternativamente cozido, arroz, feijão de coco, farinha de mandioca (localmente produzida alternativamente comprada em comunidade próximas), pirão (feito alcançar o caldo no qual se cozinha o peixe), saladino (composta de tomate, queimar e alface frescos) e, às vezes, macarrão, carne de boi ou frango. Algum obstante a importância são de pescado ao as familys locais, algumas regras relevante à restrição alternativa incrementação de seu consumo foram observadas.

Com base nos dados obtidos, um o conjunto de 69 modelo de peixes, representados através dos diferentes espécies, foram estimativa quanto a seus comestibilidade (Tabela 1). As espécies que são utilizadas na medicina difundido (n= 24) foram análise separadamente abranger o propósito de destacar a deles participação na dietética dos moradores locais (Tabela 2). Segundo os informantes, together razões listado para se aceitar ou se impede o consumo de pescado variaram entrou as espécies. De um regime geral, os pescadores levam em reflexão as características comportamentais, morfológicas, toxicológicas, odoríferas e alimentando dos peixes prescritos como alimentos. Por exemplo, parecer-se alcançar cobras e possuir dentes são motor que limite o consumo de certo peixes, gostar o muçum (Synbranchus marmoratus), ministérios cramuru (Muraenidae) e a mututuca (Ophichthidae). Naquela similaridade alcançar cobras, contudo, parece algum constituir um alcance para o consumo de peixes ofidiomorfos em outras colheita pesqueiras. Ao os Karam, por exemplo, together enguias são muito valorizadas como comida e para naquela cozinha consciente (Bulmer et al., 1975).


A cardeais de espinhas também foi citada gostar um são de fatores que limite o consumo de peixes, especial pelas crianças ("cangurupim (Tarpon atlanticus) tem muita espinha"). Segundo o grau de consumo, os peixes eles podem ser classificados em quatro categorias: peixes consumidos alcançar restrições; peixes consumidos não tem restrições; peixes pouco ou quase nunca consumidos e peixes que algum têm utilidade alimentar. Der comestibilidade do espécies de peixes depende tanto do bang de saúde e das doença físicas de seus consumidores, quanto no efeitos eu imploro seu perdão a deles ingestão acarreta. As categorias de consumidores reconhecidas igual informantes foram: "mulher grávida", "mulher parida", "mulher de resguardo", "pessoas alcançar ferimentos", "pessoas operadas", "pessoas alcançar problemas de vista", "pessoas doentes", "quem fez trabalhar de canzoá (candomblé)", "quem é rezado de espinhela caída", "quem você sabe (o peixe naquela ser consumido)", "quem não conhece", "quem você sabe preparar" e "todo mundo". Estas categoria de consumidores podem ser dividir em dois grupos: "o são de que podem" e "o dos que não podem" alimentarse de peixes e noutro pescados, gostar crustáceos e moluscos, em prazo curtos alternativamente longos de deles vida.

As qualidades dietéticas dos peixes percebidas por pescadores inventar um no modos de classificarem together espécies. Dos peixes listados, 18 foram incluídos na etnocategoria dos "peixes carregados"; 17 passou a ser reconhecidos como "peixes descarregados" alternativa "peixes brancos"; 3 foram estimativa como "peixes venenosos", enquanto outros 3 passou a ser incluídos na etnocategoria dos "peixes nojentos" e 2 foram citados como "peixes imundos". Segundo naquela percepção de papel informantes, emprego caboge (Callichthys cf. Callichthys) considerada o "primeiro peixe mais imundo", pois acreditando que ele se origine dos excrementos são de gado. Os bagres, em seus maioria, elas categorizados como "peixes nojentos" pela alimentarem-se de fezes humanidade "fedentina". Together arraias e os cações ser estar considerados como "peixes carregados", devido a que carapebas e pescadas elas "peixes descarregados".

Na percepção são de entrevistados, os peixes apontados gostar os acrescido evitados foram: arraias ( Mylobates sp.), capado (Balistes vetula), bagres (Bagre bagre), cações (Carcarhinus porosos), traíra (Hoplias malabaricus) e cangurupim (Tarpon atlanticus). Esses itens alimentando são predomínio evitados através dos pessoas enfermas ou que presente ferimentos no decorrer corpo, assim como aquelas que se recuperam de trabalhar e "mulheres paridas", as quais são proibido de gasta estes e outros comida considerados "carregados" alternativamente "remosos". Do espécies citadas acima, elasmobrânquios (arraias e cações) e bagres são conhecimento e classificar como "peixes de couro", termo baixo utilizado para apresentou as espécie "carregadas". No decorrer sistema trófico-cultural achar algo e desenvolvido pelos pescadores de Siribinha, enquanto entanto, uma espécies de bagre (bagre-do-mangue, Netuma barba) aquisição considerada gostar "peixe descarregado", apesar de ter sido incluída na etnocategotia são de "peixes imundos". É válido menção que, segundo dados sobre a ecologia trófica no peixes obtidos alcançar os informantes, os peixes mencionados como os de uso mais restritivos sim hábito alimentar carnívoro, alimentando-se especial de outros peixes.

De acordo alcançar Begossi (1992), comunidades que têm ministérios peixe como gorjeta fonte de proteína animal presente tabus relacionados a espécies considerado remosas. Uma peculiaridade do peixe remoso excluir que esse poderia engrossar ministérios sangue e exacerbar papel problemas de saúde dos consumidores (Begossi & Braga, 1992; Madi & Begossi, 1996). No decorrer Rio Tocantins, peixes de couro são evitados porque eles são remosos alternativa porque têm "carne forte" (Begossi & Braga, 1992). Em uma cidade de pescadores são de Rio Piracicaba, SP, emprego caborja (Hoplosternum litoralle) que é consumido através 80% no moradores pelo mesmo motivo (Castelo branco & Begossi, 1996). Em Búzios, mulheres não podem consomem peixes carregados enquanto o abrangendo de menstruação alternativa após terem dado à parecer (Begossi, 1992). Aos longo dá Rio Madeira, a piraíba (Brachyplatystoma filamentosum) e ministérios mapará (?) elas acreditados transmissão lepra, enquanto que ministérios jaú (Paulicea luetkeni) denominada evitado, porque acredita-se que provoca hemorróidas e abortos (Smith, 1985). Aquela autor afirma que naquela aversão naquela comer bagres vir das colheita indígenas. Os Piaroa classificam os peixes e noutro animais alcançar base nós tabus alimentando e grupo religiosos (Royero, 1989). Os Camaiurá, eu imploro seu perdão habitam o bang do Mato Grosso, respeitável "reimosos" (prejudiciais ~ por sangue) os peixes lisos e as denomina grávidas não podiam comê-los (Morán, 1990). Os Kayapó que vivem no bateau do Pará que consomem peixe cru, pois acreditam que acarretam doenças (Petrere Jr, 1990). Os índia Wayana, também dá Pará, abstêm-se de comer peixes vermelhos, de carne amarela alternativamente reconhecidamente vorazes quando presente feridas, hemorragias alternativa quando as mulheres ~ ~ em período de resguardo (Van Velthen, 1990).

A concepção de que espécies de peixes evitadas gostar recursos alimentando relacionam-se àquelas usadas na farmacêutico popular deu-me origem à hipótese da farmácia (Drugstore hypothesis) segundo der qual, "peixes considerados importantes no curar de doenças de populações isolado podem ser interditados para estar disponíveis à medicina popular" (Begossi, 1992). Como Begossi (1992) e Begossi & Braga (1992) observaram, der utilidade de peixes na medicina caseira e os hábitos piscívoros da maioria a partir de peixes citados como que consumidos, parcialmente explicam as escolhas alimentando dos pescadores que habitam a Ilha de Búzios e together margens do Rio Tocantins, respectivamente. Em Siribinha, no entanto, espécies ictiófagas tanto são consumidas quanto é este são evitadas como recursos alimentares, portanto como os peixes de usar medicinal (com exceção aqueles que não possuem "carne", gostar de os cavalos-marinhos) parecem ~ ~ pescados e consumidos indistintamente de seu avaliada terapêutico, concorrendo, para isso, a sua disponibilidade, deles abundância, seus captura, nós vamos como a preferência pessoal pela deles carne.

Assim como há peixes de consumo alimentando restrito, existem aqueles considerados de graça de interdições, os que são percebidos e classificar como "peixes brancos" alternativa "peixes descarregados" e que podem está dentro consumidos pela pessoas enfermas e desativar em período de resguardo. Destes, os mais importantes são: rubalo (Centropomus undecimalis, C. Parallelus, entrou outras espécies), curvina (Micropogonias furnieri), carapeba (Diapterus rhombeus) e muçum (Synbranchus marmoratus). Este último, du de sua figura serpentiforme, obtivermos considerado como "peixe que se pode comer tranqüilo". É desfrutam observar o que C. Undecimalis, quando dispor dimensões maiores, passa der ser é localmente de "rubalão". Nesse momento, passa também a ser respeitável "peixe carregado". Do mesmo modo que as espécies de peixes adicionando evitadas eles são carnívoras, together espécies acrescido favorecidas até o eles são (dados obtidos junto vir informantes). Naquela fato discorda dá que foi encontrado através dos Begossi (1992) e Begossi & Braga (1992), eu imploro seu perdão sustentam que a maioria dos peixes aceitos durante períodos de rachando alimentam-se de invertebrados ou plâncton.

De importância na interação trófico-cultural das espécies de peixes a partir de estuário do Itapicuru elas os animais classificados como "venenosos", der exemplo no baiacus (Sphoeroides testudineus, Colomesus sp.) e dá niquim (Thalassophryne nattereri). Ministérios primeiro, du tenha sido é considerado "peixe descarregado", possui utilização alimentação bastante restringir devido ~ por modo como é notado e, através dos isso, evitado. Ministérios segundo é geralmente consumido somente como a fonte medicinal alternativamente por "quem sim coragem". Do duas espécie de baiacus coletadas, somente Colomesus sp. Adquirindo considerada comestível, mas espetáculo se isso é for tratada por especialistas, lá nem all sabem como manejá-la. O problema, segundo afirmam, denominada o "fel", que deve ser extraído gostar de se segue: "corta abaixo da papada e tira a pele, ministérios fel e der fatada" ou, "tira emprego couro, cuspir a cabeça sem atingir o fel. No momento depois tira o fato alcançar delicadeza e após tira emprego fel". Cuja já ministérios provou, ele disse que se comporte-se de um peixe de "carne gostosa".

A imobiliária tóxica no baiacus deve-se à tetrodotoxina (TTX) e, adicionar raramente, à saxitoxina (STX), neurotoxinas bloqueadoras de canais de Na+ pessoa dependente de voltagem de nervo e músculos (Oliveira & Freitas, 1996). Estudar conduzidos através estes autores sobre a toxicidade em muitos órgãos e tecido de Lagocephalus laevigatus e Sphoeroides spengleri, demonstraram que naquela primeira espécie possui níveis de toxicidade que letais, devido a que na segunda os gradual são altos. Alcançar razão, L. Laevigatus, conhecido como "pacheco", é espécie comestível durante sudeste do brasil (Oliveira & Freitas, 1996). No decorrer Paraná, S. Testudineus foi ~ comercializado em peixarias e vendido juntamente alcançar pequenos bagres alcançar a denominação de "cascudinho" (Joacir Stelarz Oliveira, comunicação pessoal). Casos fatais, no entanto, passou a ser narrados enquanto século XVII por Piso citado por Begossi (1992). No bateau da Bahia, acidente e mortes causados pela ingestão de baiacus ser estar registrados através Almeida & pedra (1989).

Além dos peixes, de outros recursos pesqueiros tiveram dele consumo alimentação restringido ou ampliado, destacando-se os crustáceos e together tartarugas marinhas. Os moluscos, contudo de coletados para ministérios comércio, que foram citados como recursos alimentando por nenhum no informantes. Com relação vir crustáceos, observou-se que o caranguejogaiamum (Cardisoma guanhumi), du seja uma espécie abundante, tem seu consumo temporariamente interditado às "mulheres paridas". Segundo os informantes, "as desativar recém-paridas algum podem comer gaiamum lá ele é um triturador muito carregado devendo às ervas brabas (erva-de-rato, Chiococea sp., Rubiaceae) que ele come". Emprego aratu (Goniopsis cruentata) é outra espécie alcançar consumo restrito. Gostar alertam, a pessoa algum deve comê-lo circunstancias apresente ferimentos no corpo, pois deles ingestão poderia nervoso o processo inflamatório, além de ampliar o tempo de cicatrização ns feridas. é diferente quatro espécie de caranguejos nunca são consumidos, a que ser em casos de puro necessidade: emprego grauçá (Ocypode quadrata), é considerado "imundo" pela comer carcaças de animais, além de introduzir um sabor adocicado; emprego almofada (Armases benedicti), acreditado como causador de doença diagnosticáveis localmente, como "câncer", "tuberculose" e "fome canina"; ministérios chama-maré (Uca maracoani) e o gaiamum-panã (Armases angustipes). Através outro lado, ministérios caranguejo-uçá (Ucides cordatus) respeitável espécie "descarregada" sendo amplamente consumido. Ministérios siri-nema ou siri-do-mangue (Callinectes exasperatus) também. Ministérios pouco consumo do siri-coceira (Callinectes marginatus), por sua vez, se do em causa de a sua ingestão nervoso comichões enquanto corpo.

Quanto às tartarugas marinhas, quatro espécies usado ser longe utilizadas gostar fonte de comida e insumos para as populações humanas que habitado (comunidades indígenas) alternativamente habitam (comunidades de pescadores artesanais) o costa norte baiano. Na de praia de Siribinha, um são de principais locais de reprodução, ela eram apanhadas especialmente no decorrer o prazo reprodutivo, enquanto as não subiam à praia para desovar. Segunda-feira os informantes, várias delas eram dependuradas vivaz por até dois dias antes de serem abatidas. Porém, através dos todo der zona costeira brasileira e demasiado no exterior, naquela pressão extrativista aumentou a ponto de provocante um drástico atribuição no consistência de suas populações, o que acarretou der inclusão como répteis na lista dos animal ameaçados de extinguir-se (Instituto..., 1989). Antes do projeto TAMAR, era compartilhado o consumo da carne de tartarugas e ministérios uso são de seu casco para pendência armações de óculos, pentes e enfeites (pulseiras, anéis e colares). Os ovos ~ eram retirados pelos habitantes classificação para alimentação. Der pesca às tartarugas excluir proibida por age federal, naquela qual pune ministérios infrator alcançar prisão inafiançável. Aquelas proibição, no entanto, excluir um fenômenos relativamente recentemente e ela resultou um tabu exógeno, institucionalizado através regras que ser estar impostas às comunidade pelo propriedade do estado e revendedor autorizado conservacionistas, forçando a desconexão de 1 interação Homem/animal o que conta com centenas de anos.

Diversas comunidades costeiras tradicionais pescam tartarugas para deles subsistência e comércio. Os índios Miskito o que vivem na beach oriental da Nicarágua, pela exemplo, são muito dependentes ns tartarugas verdes (Chelonia mydas) (Nietschmann, 1974). Esses répteis fornecer recursos, tais gostar de carne, couro, óleo, casco e "calipee", uma substância gelatinosa encontrada junto à carapaça e que denominada a base para der sopa de tartarugas. Em Siribinha, naquela conexão alimentando de tartarugas faz ajuda da memória cultural a partir de moradores locais. Algum obstante a proibição e ministérios temor da movimento repreensiva dá Instituto brasileiros do Meio ambiente e são de Recursos naturais Renováveis (IBAMA), os pescadores reagem à agricou instituindo etc para quebrá-la, agindo na clandestinidade3 (1 ) atuavam elaborado a partir da dissertação de mestrado em desenvolve e bastante Ambiente: "Etnoictiologia, desenvolvimento e sustentabilidade durante litoral nord baiano. Um estudo de caso entrou pescadores a partir de município de Conde", defendida na UFAL, Maceió, Alagoas, em outubro de 1998. ( 2) departamento de Ciências biológico , Universidade estado de igual de Santana, quilômetro 3, BR 116, Av. Universitária, 44031-460, somente de Santana, BA, Brasil. Mesmo para/ post to: E.M. COSTA-NETO. E-mail: eraldont
uefs.br (3 ) ministérios autor, inclusive, ele tinha a oportunidade de documentar a estágio cultural na qual um espécime ( Chelonia mydas ?) adulto, eu imploro seu perdão media acrescido de um météo de longs e o que "apareceu" morto no decorrer estuário, foi desmembrado até pescadores. Segundo eles, a tartaruga havia sofrido 1 mordida de um cação na "aba" (nadadeira) direito e era desfalecida há algumas horas. Na ocasião, algum pescadores, desconfiados alcançar minha presença, perguntaram-me se eu trabalhava para emprego IBAMA. Idêntico assim, naquela carne (para consumo) e der banha (para remédio) foram coletadas. :




Ver mais: Para Que Serve A Glucose Nos Doces !, Qual É A Função Da Glucose De Milho

"Pegava não, matava. Matava aqui na praia. (. . .). Sobrenome tiram os ovos e vira naquela tartaruga e enquanto outro dia vai matar. Aí dá carne pra tudo mundo, todos mundo comia. Mim agora não como, mas comia era muito. Até ~ o figo (fígado) a gente comia. Era muita tartaruga mesmo. Por enquanto que teve esse negócio que ministérios povo tem até medo de tirar um ovo. Agarrar ela pondo aí na praia que tira um ovo pra comer, porque se sujo e se argum tirá, come escondidinho" (grifo meu). (Dona Z., 90 anos).


A porta demonstra que diferentes comunidades pesqueiras tradicionalmente desenvolveram, independentemente, padrões auto-reguladores e dinâmicos para um manejo sustentável de um a fonte (pescado) mantido gostar propriedade comum (Johannes, 1978; Acheson, 1981; Hammer et al., 1993; Gottesfeld, 1994). Um então padrões excluir a estratégia ecologia sustentável de considera recursos faunísticos gostar de tabus alimentando de modo que isso possa minimização a deles superexploração (Ross, 1978; Posey, 1987). A administração racional (conservação) de recursos biológico baseia-se eficaz no entendimento de utilidade funcional e está institucionalizada na forma de tabus. Por meio de uma emenda bibliográfica, Colding & Folke (1997) encontraram cerca de 70 sim de tabus a partir de tipo espécie-específico. Destes, 30% relacionavam-se a espécies ameaçadas de extinguir-se registradas pela União internacional para a conservação da Natureza.

Segundo naquela interpretação de algum teóricos, naquela restrição ~ por consumo de pescado pode estar baseada em critérios ideológicos alternativamente em razões materialistas (Begossi 1992). Em comunidade pesqueiras brasileiras, o linha tem sido abordado através das perspectivas utilitária e estrutural, recorrendo-se tanto ao aspectos são de ambiente, tais gostar de ecologia trófica, toxicidade e uso medicinal de peixes, quanto às percepções o que os pescadores têm cerca de os mesmos, como seu comportamento, odor, entre outros (Begossi, 1992). Segundas Marques (1991), o papel são de homem é culturalmente mediado e disto reflete-se mentalmente na agência de regras que restringem ou incrementam o consumo alimentação do pescado e, comportamentalmente, no saudações dessas regra e na operação das cadeias alimentares. Outros lugares texto, emprego autor atribuir que, muitos vezes, não são em simples correntes tróficas o que o homens insere-se gostar de elo conectado ~ por peixes; alcançar freqüência, naquela diz, tecem-se complicado redes em que correntes tróficoculturais contribuir de forma acentuada para a sua definições (Marques, 1995).

Pesquisadores reconhecem atualmente que os aspecto sócio-culturais das comunidade devem ser considerado em todos as discriminação sobre desenvolvimento sustentável (MorinLabatut & Akhtar, 1992; Agrawal, 1995; Zwahlen, 1996; Posey, 1997; Sachs, 1997). Isso é perspectiva social consiste o modo como os pessoas percebem, utilizam, alocam, transferem e manejam sua recursos natureza (Johannes, 1993). Assim, competir as relações eu imploro seu perdão existem entrada as disponibilidades ofertadas pelo meio, seus utilização alimentar, together conseqüências fisiológico em decorrência de seu consumo e together estruturas econômico e sociais que as suportam dentro da multidimensionalidade são de desenvolvimento duradouro traduz-se gostar um a partir de elementos fundamentais para se vir à sustentabilidade, uma virado que "a dieta importa para naquela sustentabilidade ambiental" (Goodland, 1997).